21:55

Já se faz tarde

Publicada por Jonas Matos |

Regressamos à verdade.
São as ruínas dos dois.
Já se faz tarde.
Tudo me faz chorar.
A verdade afinal magoa.
Deixamo-nos cair.
Relembro do fogo do qual não tínhamos nada para dizer.
Já se faz tarde.
Podemos sentir tanto.
Serão estas as nossas últimas palavras.
Deixa-me cair só a mim.
Espera só um momento pelo nosso último tempo.

3 comentários:

Carlota disse...

Lemos de vez em quando certas coisas que nos comovem! Esta foi uma delas.
**

Carla disse...

Boa escrita =)
beijinho*

Daniela disse...

Andas lhe a dar afilhado emprestado;)
Bom texto*